8 de out de 2012

Atitudes corretas, milagres na certa!



Por Fábio Della Pasqua 

Albert Dunning afirmou: “Grandes oportunidades aparecem para todos, mas muitos não percebem que estão diante delas. A única forma de se estar preparado para aproveitá-las é estar atento ao que cada dia nos traz.”


Em Marcos 10:46-52 vemos a história do cego Bartimeu e também algumas atitudes que o fizeram alcançar o milagre que tanto esperava. Aprendemos com Bartimeu a:

Clamar por socorro divino: Vs. 47

Ter coragem e ousadia e não nos conformarmos com a situação, clamando sempre ao Senhor pois, “ele está perto dos que tem o coração quebrantado e salva os de espírito oprimido.” Salmo 34:18

John Mason escreveu: “Poucos sabem quando é hora de agir, a maioria só sabe sentar e esperar. Muitos passam tempo demais sonhando com o futuro, sem notar que um pouco dele chega a cada instante.”

Quando damos passos em direção a Deus ele se moverá para atender as nossas necessidades: “Clamam os justos e o Senhor os escuta e os livra de todas as suas tribulações.” Salmo 34:17

Não aceitar o desencorajamento: Vs. 48

Robert Liardon afrima: “Para cada obstáculo que enfrentamos, Deus providenciou um trecho das Escrituras como solução.”

A porta da oportunidade se abre sobre as dobradiças da adversidade. Pelo que os obstáculos são apenas um convite para nos fortalecermos e não desistirmos de tentar alcançar os nossos objetivos.

Segundo Bob Harrison: “Entre você e tudo o que for significativo, sempre haverá um gigante em seu caminho.” Veja, por exemplo, a história de Davi e Golias.

Filipenses 4:13 declara: “posso todas as coisas naquele que me fortalece”.

Muitos querem nos desencorajar do mesmo modo que a mulidão tentou fazer com este cego, mas o Senhor nos desafia em João 11:40: “se creres verás a glória de Deus”. Portanto não desista, faça como Bartimeu e levante-se agora para receber o seu milagre.

Pedir exatamente o que se quer receber: Vs. 51

Bartimeu sabia exatamente o que gostaria de receber de Jesus: a cura para a sua cegueira.
Sabia qual era o problema e foi específico ao pedir ajuda.
Não enrolou ou perdeu a oportunidade, entendendo que “o que é impossível para o homem é possível para Deus”. Lucas 18:17

Pense em quantas orações não foram respondidas e quantos sonhos ficaram pelo caminho porque não sabiamos exatamente o que queriamos e nem o que pedir a Deus.
Randy Loescher anima-nos com a perspectiva correta que devemos ter: “Deus diz: Peça-me a montanha”.

Conclusão: Vs. 52

“Disse-lhe Jesus: Vai, a tua fé te salvou. E imediatamente recuperou a vista, e foi seguindo pelo caminho.”